12 de abril de 2009

Nuremberg (IV)

(Continuação da postagem anterior.)

Ainda relacionado ao nazismo, em 1994 foi inaugurado o "Caminho dos Direitos Humanos", criado pelo artista israelense Dani Karavan. Localizado ao lado do Museu de Nuremberg, a entrada do "Caminho" tem um arco e depois 30 colunas, uma atrás da outra, com dizeres referentes aos direitos humanos em várias línguas.

Museu Alemão em Nuremberg

Entrada do "Caminho dos Direitos Humanos"

Entrada do "Caminho dos Direitos Humanos" visto por outro ângulo

O "Caminho dos Direitos Humanos"

Placa mostrando todas as línguas nas quais os artigos estão escritos, um em cada coluna

O "Caminho dos Direitos Humanos" termina na antiga muralha da cidade

Cada coluna tem um artigo com um dos direitos humanos. A coluna escrita em português traz o artigo 13:

1. Todo homem tem direito à liberdade de locomoção e residência dentro das fronteiras de cada Estado.
2. Todo homem tem direito de deixar qualquer país, inclusive o próprio, e a este regressar.

Fim das postagens sobre Nuremberg.

Postar um comentário